Anticoncepcionais

Anticoncepcional Yaz – Engorda? Preço e Bula.

Toda mulher e todo homem devem ter em mente que um filho é uma grande responsabilidade para a vida toda. Sendo assim, é fundamental evitar uma gravidez indesejada, pois no futuro quem pode sofrer é a criança.

anticoncepcional yaz

Muitas mulheres que têm filhos fora de hora, abandonam a criança em algum orfanato ou até na rua, dão para seus pais criarem, ou pior, elas realizam o aborto, que interrompe a gravidez matando o bebê e pode levá-las também à morte. Em alguns casos de aborto as mulheres ficam estéreis, ou seja, incapazes de ter um filho.

Tudo isso pode ser evitado se o homem usar camisinha e a mulher algum método contraceptivo como as pílulas. Esses medicamentos estão disponíveis nas farmácias com as mais variadas marcas e preços.

Entre as pílulas anticoncepcionais mais utilizadas por mulheres em idade fértil podemos destacar a Yaz.

Anticoncepcional Yaz

O anticoncepcional Yaz é um dos mais indicados pelos ginecologistas. Suas vendas cresceram devido aos seus benefícios e também por não conter muitos efeitos colaterais.

Benefícios do anticoncepcional Yaz

O anticoncepcional é vendido em uma cartela com 24 pílulas ao invés de 21 como em alguns outros medicamentos contraceptivos. Embora o Yaz tenha um preço mais alto comparado aos outros anticoncepcionais, ele acaba compensando quando o assunto são seus benefícios. Entre alguns deles estão:

– Pouca dosagem hormonal

– Diminui o inchaço e a retenção de líquidos

– Previne a síndrome do ovário policístico

– Diminui a acne

– Combate os sintomas da TPM

Como consumir o anticoncepcional Yaz?

Como já foi dito, a cartela das pílulas Yaz possui 24 comprimidos e deve começar a ser consumida no primeiro dia da menstruação. Os comprimidos devem ser tomados diariamente sempre no mesmo horário até que a cartela acabe. Quando a cartela acabar é preciso fazer uma pausa de quatro dias. Nesse período vai ocorrer a menstruação. Depois que o quarto dia passar é hora de iniciar outra cartela.

Efeitos colaterais do Yaz

Mesmo contendo poucos hormônios, o anticoncepcional Yaz possui alguns efeitos colaterais como: sono fora do normal nos primeiros meses de uso do medicamento, dor de cabeça, estresse, alterações de humor, sangramento desregulado e o surgimento de celulites. É fundamental destacar que esses efeitos podem surgir ou não. Tudo vai depender do organismo de cada mulher.

Contraindicações do anticoncepcional Yaz

Esse medicamento não pode ser consumido por mulheres grávidas ou que estão suspeitando de uma gravidez, que tenham histórico de embolia pulmonar, infarto do miocárdio, derrame, enxaqueca com sintomas neurológicos focais, alterações vasculares, diabetes mellitus, insuficiência renal e outros.

Composição e preço do Yaz

O anticoncepcional Yaz traz em sua fórmula 0,02 de etinilestradiol (como clatrato de etinilestradiol betaciclodextrina) e 3 mg de drospirenoma. O preço desse medicamento está por volta de R$ 50,00.

A importância de usar o preservativo

Muitas pessoas acham que só porque a mulher está fazendo o uso da pílula anticoncepcional não é necessário o uso da camisinha, porém, elas estão muito enganadas. A camisinha não evita somente a gravidez como também a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs). Todas as mulheres devem exigir que seus parceiros façam o uso de preservativos durante o sexo, apenas assim poderão ter uma relação saudável e sem preocupações.

Portanto, para as mulheres que estão procurando um anticoncepcional que não possua muitos efeitos colaterais, a dica é experimentar o anticoncepcional Yaz encontrado em todas as farmácias. Cuide-se, sua saúde é muito importante!

Anticoncepcionais

Anticoncepcional adesivo – É bom? Preço – Onde comprar?

Prevenir uma gravidez é o mais indicado para quem não pensa em ter filhos no momento. As mulheres e os homens têm à sua disposição diferentes métodos contraceptivos, entretanto, é importante sempre usar camisinha, somente assim poderá garantir que não vai contrair uma DST (Doença Sexualmente Transmissível).

adesivo anticoncepcional

A grande maioria das mulheres usa como método contraceptivo as pílulas anticoncepcionais, que podem ser encontradas com diferentes marcas e preços. Atualmente, as mulheres em idade fértil podem contar também com o anticoncepcional adesivo.

Anticoncepcional adesivo

O anticoncepcional adesivo possui os mesmos hormônios encontrados nas pílulas e tem a mesma eficácia. A maior vantagem do anticoncepcional adesivo é que a mulher não precisa ficar preocupada em lembrar do horário de tomar o medicamento. Além disso, também tem menos efeitos colaterais.

Como é aplicado o anticoncepcional adesivo

A aplicação do adesivo é feita a cada sete dias, isso ocorre por três semanas seguidas, ou seja, 21 dias. O medicamento tem uma semana de intervalo, para que ocorra o período menstrual. Isso faz com que o ciclo não seja mudado. Se a mulher não quiser ficar menstruada, ela tem a opção de emendar o uso de um adesivo no outro.

Os especialistas indicam que não existe prazo máximo para utilizar o adesivo anticoncepcional. Ao parar de usá-lo, a mulher volta a ficar fértil e pode engravidar normalmente.

O anticoncepcional adesivo deve ser aplicado no primeiro dia do ciclo menstrual. Ele precisa ser substituído a cada sete dias e o local de aplicação deve ser mudado a cada semana.

As partes do corpo mais indicadas para colocar o adesivo anticoncepcional são: dorso superior, parte superior das nádegas, parte externa do braço e abdômen inferior.

Preço do anticoncepcional adesivo

As mulheres podem encontrar nas farmácias a caixa contendo três adesivos para um mês. O preço do produto está por volta de 80 a 90 reais. Para poder comprar o adesivo anticoncepcional é preciso uma receita médica.

Como funciona o anticoncepcional adesivo

O anticoncepcional possui dois tipos de hormônios: etinilestradiol e norelgestromina. Esse adesivo, além de inibir a ovulação, também estimula mudanças no muco cervical, que é o líquido produzido no colo do útero. Esse líquido fica mais espesso, tornando o útero hostil aos espermatozoides.

O endométrio, local onde o embrião é implantado não é mais receptivo à implantação dos óvulos. Isso ocorre com o uso do anticoncepcional adesivo.

Risco de perda ou deslocamento do adesivo anticoncepcional

O risco de uma mulher deslocar ou perder o adesivo anticoncepcional é de apenas 5%. Isso ocorre na maioria das vezes, nos primeiros meses de uso. Se perder o adesivo ou ele mudar de lugar, reaplique o mesmo adesivo ou coloque um novo.

Benefícios do anticoncepcional adesivo

O anticoncepcional adesivo traz muitos benefícios para a saúde da mulher como: diminui a anemia ferropriva e os riscos de contrair câncer do endométrio e câncer de ovário.

Efeitos colaterais

Esse adesivo é um anticoncepcional, ou seja, um medicamento que previne a gravidez enviando substâncias para o organismo, por isso, ele tem efeitos colaterais. São eles: aumento da pressão arterial, trombose, mal estar e náuseas. Entretanto, especialistas informam que os riscos desses efeitos colaterais são bem menores em mulheres que usam adesivo do que as que usam pílulas, as quais correm mais risco de ter um ou mais desses efeitos.

O anticoncepcional adesivo foi criado para mulheres que buscam um método contraceptivo seguro, eficaz e prático. Ele é uma opção ideal para quem tem o hábito de esquecer-se de ingerir as pílulas anticoncepcionais diariamente e no mesmo horário. Além de possuir menos efeitos colaterais e ter a mesma eficácia e perfil das pílulas anticoncepcionais.

 

 

 

Anticoncepcionais

Anticoncepcional Stezza – Novo – Engorda? Qual o preço? Bula.

Ter um filho é algo inigualável, um bebê traz muita felicidade para toda a família. Mas ter uma criança requer muita responsabilidade, por isso é fundamental prevenir uma gravidez fora de hora e sem planejamento.

Os homens e as mulheres podem prevenir a gravidez de diversas formas, existem vários métodos contraceptivos disponíveis para escolha de sua preferência. O homem deve usar camisinha em todas as suas relações e as mulheres têm à sua disposição, diferentes tipos de pílulas anticoncepcionais.

anticoncepcional stezza

Nas farmácias as mulheres podem encontrar anticoncepcionais com marcas conhecidas e desconhecidas e com preços variados. Entre os anticoncepcionais mais usados no Brasil está o Stezza.

Anticoncepcional Stezza

O anticoncepcional Stezza é um medicamento utilizado para evitar a gravidez. É importante dizer que ele previne uma gravidez indesejada, mas, como todos os demais anticoncepcionais, não protege das doenças sexualmente transmissíveis.

O Stezza vem com uma cartela com 28 comprimidos, sendo que os 24 comprimidos brancos possuem uma pequena quantidade de dois diferentes hormônios femininos. Os hormônios são: o acetato de nomegestrol (um progestagênio) e o estradiol (o estrogênio natural). Os 4 comprimidos amarelos não contém hormônios e são chamados de placebo.

Efeitos colaterais do anticoncepcional Stezza

São muitos os efeitos colaterais das pílulas Stezza. Eles podem surgir ou não nas mulheres, tudo vai depender do organismo de cada uma. Alguns efeitos colaterais são: boca seca, olho seco e intolerância a lentes de contato, sensação de peso nos membros, retenção de líquidos, ganho de peso, dor pélvica e desconforto pélvico, sensação de enjoo, dor de cabeça ou enxaqueca, alterações de humor, alterações do ciclo menstrual, surgimento de acne, entre outros.

Como tomar o anticoncepcional Stezza

Comece a tomar o anticoncepcional Stezza no primeiro dia do ciclo menstrual. A pílula começa a agir imediatamente. Com a utilização do medicamento, não é necessário usar outro anticoncepcional.

Sempre que começar a tomar a cartela de comprimidos Stezza comece pelo comprimido branco ativo de número 1, que está localizado no canto esquerdo superior. Escolha entre os 7 adesivos com indicadores de dias aquele na coluna cinza correspondente ao seu dia de começo de tratamento. Exemplo: Se a mulher começar a tomar o anticoncepcional Stezza em uma quarta-feira, ela deve usar o adesivo escrito “Qua”. Cole-o na cartela acima da fileira de comprimidos brancos.

Tome um comprimido diariamente no mesmo horário com água. Siga as setas e tome todos os comprimidos brancos ativos primeiro e em seguida os comprimidos amarelos de placebo.

A menstruação deverá ter início nos 4 dias que estiver tomando as pílulas amarelas. Em geral a menstruação inicia depois de 2 ou 3 dias do último comprimido branco ativo e pode não terminar antes de começar a nova cartela. Comece a tomar a nova cartela imediatamente após o último comprimido amarelo.

Onde encontrar e preços do anticoncepcional Stezza

Esse medicamento pode ser encontrado nas farmácias de todo o Brasil. Uma caixa contém uma cartela de 28 pílulas, sendo 24 brancas e 4 amarelas.

O preço desse medicamento não é muito alto. Está por volta de R$ 40,00, mas pode ser encontrado mais barato ou mais caro.

Portanto, se é uma mulher em idade fértil que não está pensando em engravidar, procure seu ginecologista e peça para ele prescrever um anticoncepcional. Lembrando que mesmo se prevenindo contra uma gravidez é fundamental que o parceiro use camisinha para evitar as DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis).

 

Anticoncepcionais

Anticoncepcional Microvlar – É bom? Qual o Preço? Engorda?

Ter um bebê é algo muito bom para todas as mulheres e homens, claro que quando a gravidez é planejada. A gravidez indesejada é um grande problema da população brasileira, por isso todos devem se cuidar para não ter filhos fora do seu tempo.

As mulheres podem evitar uma gravidez de várias maneiras, sendo que tomar anticoncepcional ainda é um dos métodos mais eficazes. São muitos os tipos de anticoncepcionais, nos quais está o anticoncepcional Microvlar.

Anticoncepcional Microvlar

O Microvlar é um anticoncepcional muito popular no Brasil por causa do seu baixo preço quando comparado a outros medicamentos. Esse anticoncepcional possui 0,15 mg de levonorgestrel e 0,03 mg de etinilestradiol. Ele é usado para prevenir a gravidez, mas também pode ser utilizado para ajudar na prevenção de um sangramento desregular e intenso.

O Microvlar vem em uma cartela com 21 comprimidos que devem ser ingeridos em dias consecutivos.

Esse medicamento é produzido pela multinacional farmacêutica Schering do Brasil. Esse anticoncepcional é muito usado pelas mulheres sob recomendação médica ou por escolha da própria mulher, devido a recomendação de amigas. O ideal é que o Microvlar seja indicado por um ginecologista.

O anticoncepcional Microvlar engorda?

A principal preocupação das mulheres é em relação ao fato de o anticoncepcional engordar. Muitas mulheres que tomam o Microvlar têm dúvidas se o medicamento engorda ou não. Para responder a essa dúvida o indicado é perguntar ao ginecologista.

De acordo com algumas usuárias do anticoncepcional, ele engorda mais do que os outros medicamentos do mesmo tipo, pois ele retém mais líquidos.

O medicamento pode engordar mais ou não, isso vai depender da genética de cada mulher, cada organismo reage de uma forma diferente a cada medicamento.

Como tomar a pílula anticoncepcional Microvlar

A pílula anticoncepcional Microvlar previne a gravidez, regula o ciclo menstrual, diminui os sintomas da TPM e melhora as cólicas menstruais. Esse medicamento não é indicado para diminuir a oleosidade da pele, cabelos e pelos, caso for esta sua intenção, o certo é optar por outro anticoncepcional.

A cartela de comprimidos do Microvlar deve ser iniciada no primeiro dia da menstruação em um horário da escolha da mulher. As pílulas devem ser tomadas todos os dias no mesmo horário.

São 21 comprimidos, sendo que no 21° dia a mulher tomará a última pílula da cartela, em seguida, deverá fazer uma pausa por 7 dias. Nesse período irá menstruar normalmente. No oitavo dia, deverá começar uma nova cartela no mesmo horário.

Caso se esqueça de tomar a pílula no horário certo, tome o mais rápido possível no horário em que se lembrar. Se tiver ultrapassado 12 horas, tome duas pílulas no dia seguinte no seu horário de costume.

Se o esquecimento acontecer mais de uma vez em uma mesma cartela de pílulas, use preservativo nas relações para se prevenir. Mulheres que esquecem com frequência a hora de tomar a pílula devem optar por outro método contraceptivo, como o adesivo, DIU ou outro método que achar melhor.

Efeitos colaterais e contraindicações

Os efeitos colaterais do anticoncepcional Microvlar são: cefaleias, náuseas, diarreia, vômito, secreção e dor nas mamas, dores abdominais, variação de peso, retenção de líquidos, mudanças de humor, depressão, manchas e irritação na pele e muitos outros. É importante dizer que esses efeitos podem até não aparecerem.

O Microvlar é contraindicado nos casos: alergia a alguns componentes da fórmula, mulheres com DSTs, histórico de hepatite, diabetes mellitus com alterações vasculares, histórico de enxaqueca com sintomas neurológicos focais, amamentação, gravidez, entre outros.

Anticoncepcionais

Anticoncepcional masculino

Evitar ter filhos é um direito de todo homem e toda mulher. Para se ter um bebê é necessário um planejamento familiar para se estar preparado para essa mudança na vida do homem, mulher ou casal. Hoje em dia existem muitos métodos para evitar a gravidez, entre os quais estão os anticoncepcionais.

Até agora somente é possível encontrar anticoncepcionais femininos. Entretanto já estão sendo realizadas pesquisas para colocar à venda um anticoncepcional masculino, ou seja, para homens.

anticoncepcional masculino

Anticoncepcional masculino

Daqui a algum tempo homens e mulheres que não tiverem vontade de ter filhos poderão tomar pílulas anticoncepcionais. De acordo com a organização não governamental norte-americana Parsemus Foundation, que investe na produção do anticoncepcional masculino Vasalgel, o medicamento poderia chegar ao mercado ainda em 2017.

Diferente da pílula usada pelas mulheres, o Vasalgel não deverá ser usado em doses diárias, mas em apenas uma aplicação que funcionará por um longo período. O medicamento em gel não envolve tratamento hormonal e poderá ser revertido.

A fabricante do anticoncepcional masculino está na segunda fase de testes em macacos. Até o momento, os machos que utilizaram o produto cruzaram com 15 fêmeas e, pela segunda vez, não engravidaram nenhuma delas.

Os animais estão sendo acompanhados para garantir que o efeito do Vasalgel seja revertido para que os animais voltem a ser férteis. A empresa já realizou testes bem sucedidos com coelhos, macacos e agora irão realizar testes em humanos.

O que é o Vasalgel o anticoncepcional masculino

O Vasalgel é um anticoncepcional masculino que não possui hormônios na sua fórmula e funciona de forma parecida com a vasectomia. O gel contraceptivo com polímeros é injetado nos vasos que transportam o esperma na ejaculação, o que impede a fecundação.

O objetivo da empresa norte americana é que o anticoncepcional possa ser revertido com outro remédio que irá liberar os vasos.

O Vasalgel é inspirado em um medicamento indiano chamado Risug que funciona de forma parecida e também está em fase de testes em seu país de origem. A criação da pílula masculina é financiada por doações de empresários interessados. A Parsemus não tem interesse em um medicamento com efeitos de longo prazo.

Dividir a responsabilidade entre os dois

A criação de um anticoncepcional masculino é uma ótima ideia e acabaria com o fato de a responsabilidade de evitar uma gravidez ficar nas mãos apenas das mulheres.

A produção e venda de um anticoncepcional masculino mudará profundamente as relações entre homens e mulheres. De acordo com especialistas o casal poderá dividir as responsabilidades.

O anticoncepcional masculino dará ao homem um maior poder de decidir sobre o momento certo de ter filhos. Também aumenta a responsabilidade sobre o homem, já que o peso dessa decisão não ficará somente sobre a mulher.

O lado ruim de existir o anticoncepcional masculino é o fato de os homens terem a intenção de parar de usar a camisinha durante a relação sexual. Alguns homens usam o preservativo apenas para evitar a gravidez indesejada, o que é totalmente errado, já que nenhum anticoncepcional protege contra as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Milhares de pessoas estão aguardando os resultados dos exames clínicos do Vasalgel. Muitos homens não veem a hora de ter mais controle sobre o seu destino reprodutivo.

Essas pesquisas que estão sendo realizadas para a criação de um anticoncepcional masculino irão contribuir para evitar muitas gestações indesejadas. Entretanto os homens devem saber que é fundamental continuar usando preservativo (camisinha) para evitar doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

Anticoncepcionais

Anticoncepcional Iumi/Yumi – Engorda? Preço – Bula

Ter um filho é algo maravilhoso, mas se a mulher não está pronta para essa fase da vida, seja por opção, condição financeira ou qualquer outro motivo, o melhor a se fazer é prevenir a gravidez. Uma gravidez não planejada pode trazer muitos contratempos na vida da mulher e/ou do casal. Normalmente, esse tipo de situação acontece devido à falta de cuidados na relação sexual. Uma das formas que as mulheres têm de prevenir uma gravidez indesejada é o anticoncepcional. Esse medicamento pode ser encontrado em diferentes marcas e devem ser tomados por mulheres em idade fértil. Mas vale lembrar que tanto a mulher quanto o homem devem se prevenir não só de uma gravidez indesejada, mas também das temidas Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) e isso só ocorre com o uso de preservativos (camisinha).

anticoncepcional yumi

Anticoncepcional Iumi

O anticoncepcional Iumi é indicado para a prevenção da gravidez. Além de possuir muitos outros benefícios para a mulher, como a melhora da retenção de líquido, inchaço ou ganho de peso. Tem uma fórmula composta que combina baixas doses dos hormônios drospirenona e etinilestradiol. O anticoncepcional Iumi tem uma pausa curta entre as cartelas (4 dias).

Benefícios do anticoncepcional Iumi

São muitos os benefícios do anticoncepcional Iumi, alguns deles são:

– Previne a gravidez

– Diminui o inchaço e a retenção de líquido

– Melhora a distensão abdominal (aumento do abdome)

– Auxilia no emagrecimento

– É utilizado no tratamento para acne vulgaris (espinha)

– Auxilia na diminuição da oleosidade da pele e dos cabelos

– Possui baixas doses de hormônios

– Reduz a duração e o fluxo menstrual

– Combate os sintomas da TPM (dores de cabeça, cólicas, etc)

 

Efeitos colaterais do anticoncepcional Iumi

As pílulas do anticoncepcional Iumi foram formuladas de maneira a diminuir os efeitos colaterais por conter baixa dosagem hormonal em sua composição. Mas apesar de raros, esse anticoncepcional pode causar efeitos colaterais como qualquer outro medicamento. Os efeitos colaterais que podem ocorrer são: sangramento desregulado, sono acima do normal, dor nos seios, alterações de humor, dor de cabeça, dor abdominal e náuseas.

Como tomar o anticoncepcional Iumi

A cartela desse anticoncepcional vem com 24 comprimidos revestidos e deve ser iniciada no primeiro dia da menstruação, sendo que a mulher deve tomar um comprimido por dia até que a cartela acabe. Quando terminar a cartela é preciso fazer uma pausa de 4 dias, dentro desse período deve acontecer a menstruação. No quinto dia uma nova cartela deve ser iniciada e o ciclo repetido.

Contraindicações do anticoncepcional Iumi

O anticoncepcional Iumi não pode ser ingerido por mulheres que estejam suspeitando de gravidez ou que já estão grávidas, tenham problemas circulatórios, principalmente relacionados com trombose, derrame cerebral, sintomas de ataque cardíaco, diabetes e em muitos outros casos.

Antes de começar a tomar esse medicamento é fundamental consultar um médico para não correr riscos.

O anticoncepcional Iumi custa em torno de R$ 30,00. Cada comprimido desse medicamento possui 3 mg de drospirenona e 0,02 mg de etinilestradiol. Ele é considerado um anticoncepcional com baixas doses de hormônio.

Portanto, se você é uma mulher que quer evitar uma gravidez indesejada, procure um médico e comece a tomar um anticoncepcional. Apesar das chances serem mínimas, é fundamental dizer que as pílulas podem falhar e ocorrer uma gravidez, por isso o indicado é também pedir para o parceiro usar camisinha. Além de evitar uma gravidez, ainda estará se protegendo das Doenças Sexualmente Transmissíveis. Jamais comece a tomar anticoncepcional sem a indicação de um médico, pois pode ser perigoso, afinal de contas é um medicamento. Se quiser experimentar o anticoncepcional Iumi, procure um ginecologista e siga suas instruções.

Anticoncepcionais, Saúde da Mulher

ANGELIQ CONTROLE HORMONAL: TUDO SOBRE ELE!

angeliq

Toda mulher que sofre com os sintomas da menopausa, deveria fazer um tratamento de reposição hormonal. Muito conhecido, o Angeliq é um remédio de controle hormonal com poucos efeitos colaterais, pois é um medicamento de reposição hormonal de baixa dose.

Mas será que toda mulher no período da menopausa pode fazer uso do Angeliq? Quais são as contraindicações? De que é feito o Angeliq?

O Que é Angeliq?

Angeliq é um medicamento em forma de comprimido. Cada comprimido contém 1 mg de estradiol e 2 mg de drospirenona. Neste medicamento encontra-se substância como lactose moidratada, amido, povidona, estearato de magnésio, hipromelose, macrogol, talco, dióxido de titânio, pigmento de dióxido de ferro vermelho.

Para Que Serve o Angeliq?

Angeliq é um remédio para tratamento de reposição hormonal (THR) contra os sintomas da menopausa. A menopausa é o período após a última menstruação. Nesse período estão chegando ao fim o ciclo ovulatório no organismo da mulher, ou seja, a passagem da idade fértil para a fase não reprodutiva.

A menopausa se inicia 1 ano depois da última menstruação. O período antes da menopausa é chamado de climatério. Como consequência, o organismo deixa de fabricar os hormônios estrogênio e progesterona, causando mudanças no corpo da mulher.

O Angeliq serve para diminuir sintomas, que podem ser:

  • Insônia
  • Suor Exagerado
  • Depressão
  • Ondas de Calor
  • Perda de Massa Óssea (Osteoporose)
  • Irritabilidade
  • Redução no Desejo Sexual
  • Falta de Atenção
  • Problemas Cardiovasculares.

Além desses sintomas, o Angeliq previne contra a retenção de líquido, que causa inchaços. Vale lembrar que o Angeliq é um medicamento de controle hormonal e não anticoncepcional como alguns pesam. Ele não pode ser usado como contraceptivo.

Contraindicações do Angeliq

O Angeliq traz muitos benefícios, mas também pode trazer problemas de saúde se não for administrado corretamente, e por um profissional da saúde. O tratamento de reposição hormonal com Angeliq não é indicado quando a mulher se encontra nas seguintes condições:

  • Histórico ou presença de tumor no fígado, sendo benigno ou maligno.
  • Doença grave no fígado
  • Sangramento vaginal atípico
  • Suspeita ou confirmação de câncer de mama
  • Hipertrigliceridemia, ou seja, nível altíssimo de triglicerídeo no sangue
  • Histórico ou presença de trombose venosa profunda (TVP)
  • Risco elevado de trombose venosa ou arterial
  • Histórico ou confirmação de doença renal grave
  • Histórico de acidente vascular cerebral (AVC)
  • Histórico de infarto do miocárdio
  • Hipersensibilidade a qualquer substancia do medicamento.

O tratamento com Angeliq deve ser interrompido mediatamente com o surgimento de enxaquecas ou dor de cabeça muito forte e frequente, problemas imprevisíveis de audição ou visão, sangrar ao tossir, dificuldade para respirar, dores anormais nas pernas ou braços, gravidez ou icterícia.

Outras Recomendações

A terapia com Angeliq tem a capacidade de diminuir a pressão arterial, ajudando mulheres que sofrem de hipertensão. Mulheres com diabetes também podem fazer uso do medicamento, porém devem ser cuidadosamente acompanhadas durante o tratamento.

O consumo de bebidas alcoólicas excessiva pode atrapalhar o tratamento.

O remédio Angeliq para controle hormonal não pode ser usado por grávidas nem por mães que ainda amamentam.

O tratamento para reposição hormonal deve ser prescrito e acompanhado por um médico.